Você já ouviu falar do chip da beleza?

Na verdade estamos falando de um implante hormonal, que tem como efeitos colaterais o aumento de massa magra e a diminuição da gordura corporal

Não é de hoje que as terapias hormonais são um sucesso e realmente efetivas para a saúde das mulheres. Desde a década de 70, e estamos falando do século passado, a medicina lança mão desta ferramenta. Recentemente, um implante hormonal ficou conhecido, erroneamente, como chip da beleza. Mas o fato é que se trata de um recurso terapêutico que traz, sim, muitos benefícios, mas sua indicação é clínica e não estética.

Mas o que é o implante hormonal?
Trata-se de um implante colocado na região glútea com o objetivo principal de contracepção. Vários hormônios podem ser utilizados nestes implantes, como estradiol, testosterona e gestrinona, com diferentes tipos de indicação às pacientes. Os implantes de gestrinona por exemplo, podem ser utilizados  para pacientes com endometriose ou miomas, uma vez que eles bloqueiam a produção de hormônios pelos ovários.

E por que foi chamado de chip da beleza?
Porque entre os efeitos colaterais estão o aumento da massa magra e diminuição da gordura corporal. Vale ressaltar que também há relatos de aumento da oleosidade da pele e cabelos e surgimento de acne. Enfim, estamos falando de tratamento hormonal, que tem suas indicações.Não podemos pensar apenas nos aspectos estéticos.

 

E quem pode utilizar?
São muitas as indicações de uso do implante hormonal, desde contracepção até doenças como endometriose. Como é um tratamento, prescrito pelo médico, cada caso é avaliado individualmente. O implante só pode ser colocado por um médico, com a devida prescrição. Não pode ser comprado na farmácia e tem duração de um ano. Por isso, tudo deve ser analisado, pensado e decidido em conjunto – médico e paciente.

Se interessou? Agende uma consulta e vamos conversar!

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Você tem dúvidas sobre ginecologia e/ou obstetrícia?

Escreva-nos! Suas informações são sigilosas e protegidas.

Utilize seus dados verdadeiros, para que possamos responder seu contato.

Leia também.

Iniciar conversa!
1
Podemos lhe ajudar?
Olá. Podemos te ajudar?